À procura de seu dono, gatinha viaja mais de 20 km de trem

Uma história de determinação de uma felina que decidiu reencontrar seus donos.

A Viajante Destemida

A Viajante Destemida

Aposto que você já ouviu histórias de animais obstinados na busca por seus donos, que conseguiram retornar para seus lares graças à sua determinação. Então, é uma dessa histórias que iremos contar hoje, a da gatinha Noisette.

A gatinha foi notada, aparentemente, perdida nos trilhos da a estação ferroviária de Voivres-lès-le-Mans, localizada na província francesa da Sarthe, pelo jovem auxiliar de trem, chamado Guillaume que, imediatamente, tratou de pegá-la e deixá-la em um local seguro. 

Porém, a gatinha parecia determina em não deixar a estação, já que retornou do local onde Guillaume a havia deixado em segurança.

Viajando

Viajando

Mas, Guillaume, ao ver a gatinha retornando à plataforma, ficou com receio de que ela saltasse para os trilhos novamente e fosse atropelada. Sua conclusão, fora de que ela só poderia ter chegado até a estação dentro de algum vagão. Então, decidiu pegá-la e levá-la para uma segunda viagem, publicando em seu Twitter todo o ocorrido.

Guillaume contou que a gatinha se comportou muito bem durante a viagem, o que não é diferente do que podemos ver essas fotos. Ela teve até mesmo o privilégio de ir à cabine do maquinista. Mas, 20 quilômetros depois, na estação final, na cidade de Le Mans, a gatinha teve de deixar o vagão.

Felizmente, a história da pequena comoveu os internautas, que logo trataram de tornar sua história viral, o que foi questão de tempo para que chegasse aos seus donos, que conseguiram pegá-la de volta, como contou Guillaume no Twitter.

Ao que tudo indica, a pequena felina decidiu ir atrás de seus donos de trem, mas teve muita sorte de encontrar um humano que se sensibilizou e decidiu ajudá-la na sua busca.

Felizmente, a história teve um final feliz! Mas, e você? Tem alguma história como esta pra contar? Compartilhe conosco...

por Frederico Monteiro